As sete dimensões da gestão do conhecimento aplicada a uma concessionária de energia elétrica

Sávio Ricardo Muniz Aires da Costa, Ricardo Moreira da Silva

Resumo


A Gestão do Conhecimento no mundo corporativo tornou-se uma grande oportunidade para companhias que observam neste recurso intangível (conhecimento) um diferencial competitivo para o sucesso sustentável da organização. Desta forma, o artigo tem objetivo identificar a aplicação das práticas gerenciais de uma concessionária de energia elétrica, identificando a Gestão do Conhecimento (CG) na ótica do modelo das sete dimensões preconizado por Terra (2000). A metodologia adotada foi uma pesquisa exploratória, utilizando questionário estruturado obedecendo à escala Likert de cinco pontos. Segundo a análise dos dados, foram identificadas 22 práticas (das 33 pesquisadas) entre as sete dimensões, atingindo uma média global de 66,89% da concordância das práticas adotadas. São destacados nos resultados pontos fortes praticados, como também sugestões de melhoria para aumentar o domínio de ferramentas e métodos, garantindo uma maior abrangência das dimensões do conhecimento.

Palavras-chave


Gestão do conhecimento; concessionária de energia; sete dimensões

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


LAJBM está indexada em:

   

 

ISSN: 2178-4833